Thursday, December 21, 2006

Contra-capa

Ah, o amor...
Muitas são as formas de amar,
outras tantas (ou mais?...) de desamar.
Estes contos, que apenas arranham a superfície
(as costas, as coxas?...) do amor,
estão aí porque é sempre bom não esquecer que ele existe.
(Ah, e ele deixa?...)

2 Comments:

Anonymous Michelle Glória said...

O amor é VIDA! É razão do existir, do SER! Com ELE, tudo se torna belo, iluminado, perfumado! Ah! O cheiro do amor... Único, singular, peculiar de cada AMOR! para cada AMOR! O AMOR é quem faz a existência PULSAR! Desistir dele é a morte viva. Por isto, ele pulsa e não nos deixa esquecê-LO! Oh! o amor!!! Divino sentimento! A RAZÃO DE EXISTIR!

7:16 PM  
Anonymous Ana Claudia said...

Ai, o amor!!! (suspiro) bjo bjo

5:43 AM  

Post a Comment

<< Home